Ir para o conteúdo principal

Curso de Defesa Nacional

Portal do IDN \ Início \ Formação \ Catálogo de Cursos \ Curso de Defesa Nacional


 

​​​O Curso de Defesa Nacional tem a natureza de curso de estudos avançados e é frequentado por Auditores aos quais é proporcionado:

  • Conhecimento especializado, espaço de reflexão e debate sobre matérias no domínio da segurança e da defesa no seu enquadramento conceptual, internacional e nacional;

  • ​Contacto atualizado com as realidades nacional e internacional;

  • Intercâmbio de ideias decorrente da diversidade de formação académica e experiência profissional dos participantes;

  • Um ambiente favorável à​ valorização profissional no domínio da Segurança e Defesa.

Regul​amento​ do CDN

  • ​​​Promover o conhecimento aprofundado dos problemas, fenómenos e oportunidades associados à segurança e defesa;

  • Fomentar a formação para uma cultura estratégica de segurança e de defesa, habilitando cidadãos nacio​nais e estrangeiros para uma cidadania plena e efetiva;

  • Potenciar a consciencialização da sociedade civil para as questões da segurança e da defesa, contribuindo para um apoio sustentado à formulação e tomada de decisão;

  • Desenvolver capacidades analíticas e críticas que potenciem a participação ativa na reflexão e produção de segurança e potenciem o envolvimento de competências científicas e/ou profissionais específicas;

  • Promover o estudo e a investigação nos domínios da segurança e da defesa, bem como em domínios conexos.​​

​​O CDN é frequentado em regime exclusivamente presencial, decorre previsivelmente entre novembro e maio e as suas atividades desenvolvem-se em simultâneo nas instalações do IDN em Lisboa e no Porto.


O CDN pode integrar os seg​​uintes tipos de atividades:

  • Conferências, ciclos de palestras, painéis e debates subordinados às temáticas do âmbito do CDN;

  • Sessões de orientação tutorial;

  • Apresentação oral e/ou escrita de trabalhos de grupo e/ou individuais;

  • Visitas de estudo a instituições nacionais, estrangeiras e internacionais.

O CDN é frequentado em regime de tempo parcial, excetuando as visitas de estudo, sendo obrigatória a participação dos auditores em todas as atividades do CDN.


Funcionamento:


​​Cidadãos que integram os quadros superiores e dirigentes das estruturas do Estado e da Sociedade Civil, ou outros candidatos cujo currículo profissional dê garantias de habilitação  suficiente para a frequência do CDN, bem como cidadãos de países de língua oficial portuguesa (CPLP) e outros cidadãos estrangeiros que preencham os requisitos de admissão.

Critérios gerais

  • Ser titular de licenciatura ou grau superior, sem prejuízo de, por decisão do/a Diretor/a do IDN, serem admitidos candidatos cujo currículo profissional seja reconhecido como atestando capacidade para a sua frequência;

  • Desempenho de funções para as quais os objetivos do curso sejam considerados de elevado interesse;

  • Experiência profissional e outros aspetos curriculares relevantes que evidenciem uma participação ativa na difusão de uma cultura estratégica de segurança e defesa ou em domínios conexos.


Critérios especiais

Os critérios especiais de seleção definidos pela Diretora do IDN para o CDN 2020-2021 valorizam os candidatos/as com experiência profissional relevante nos seguintes domínios:

  • Investigação científica;

  • Apoio ao desenvolvimento, ajuda humanitária e gestão de crises;

  • Energia, ambiente e tecnologias de informação e comunicação;

  • Economia, finanças e indústria.

​​​Individuais

As candidaturas individuais são formalizadas, dentro do período de candidaturas definido, através do preenchimento do formulário eletrónico disponível neste site e da submissão dos seguintes documentos:

  • Carta de Motivação;

  • Síntese curricular / Curriculum Vitae obrigatoriamente em português (máximo 1 página A4);

  • Cópia de certificados de habilitações;

  • Declaração da entidade patronal ou do serviço, relativa à compatibilidade entre a frequência das atividades inerentes à frequência do CDN e o regular exercício da atividade profissional;

  • Fotografia tipo passe, atual e a cores.

​Não serão admitidas candidaturas que:

  • Não estejam devidamente instruídas (ex. falta de documentos ou não utilização dos formulários digitais disponibilizados);

  • Não preencham os critérios formais de admissão, nos termos definidos no presente aviso de abertura de candidaturas. 

A apresentação de qualquer documentação exigida fora do prazo estipulado determina igualmente a não-aceitação da candidatura.

As candidaturas individuais são apreciadas por uma Comissão de Seleção, nomeada anualmente pelo/a Diretor/a do IDN.


Institucionais Nacionais

As candidaturas institucionais à frequência do CDN são efetuadas por indigitação das entidades com vagas atribuídas em cada edição do curso. As vagas institucionais são distribuídas pelos Ministérios e outros organismos da administração central, regional ou local, bem como por entidades representativas da sociedade civil, de acordo com despacho do Ministro da Defesa Nacional, sob proposta do/a Diretor/a do IDN.

As candidaturas institucionais são formalizadas, dentro do período de candidaturas definido, através do preenchimento do formulário eletrónico disponível neste site e da submissão dos seguintes documentos:

  • ​Ofício de indigitação pelo órgão competente de acordo com a vaga definida;

  • Síntese curricular / Curriculum Vitae obrigatoriamente em português  (máximo 1 página A4);

  • Cópia de certificados de habilitações;

  • Fotografia tipo passe, atual e a cores.

No processo de designação do titular da vaga institucional, compete às respetivas entidades responsáveis assegurar que o candidato preenche os requisitos fixados para admissão ao CDN.


Países da CPLP

Os auditores institucionais designados pelas entidades competentes dos países da CPLP são nomeados nos termos e nas condições estabelecidas nos respetivos protocolos de cooperação bilateral. Estas candidaturas deverão ser formalizadas junto da Direção-Geral de Política de Defesa Nacional do Ministério da Defesa Nacional, através do preenchimento do formulário eletrónico disponível neste site e da submissão dos seguintes documentos:

  • Ofício de indigitação emitido pelo Ministro da Defesa do país de origem do candidato;

  • Síntese curricular / Curriculum Vitae obrigatoriamente em português  (máximo 1 página A4);

  • Cópia de certificados de habilitações;

  • Fotografia tipo passe, atual e a cores.

​​​​Instituto da Defesa Nacional

Núcleo de Planeamento

Calçada das Necessidades, n.º 5 - 1399-017 Lisboa


Telf. 211 544 746/ 211 548 244​​

Email: idn.candidaturas@defesa.pt​

Catálogo de Cursos

Partilhar
Conteúdo